1.931 comentários sobre “Gráfico em Ação


  1. Quero compartilhar minha operação de hoje. O gráfico acima é do dólar no mercado futuro de 5 minutos. Já falei um pouco do mercado futuro nos meus artigos na revista do Tetzner.

    Uma das vantagens do mercado futuro é a facilidade de se operar comprado ou vendido conforme a conveniência do momento. Os melhores momentos pra fazer esse tipo de operação é quando o ativo entra numa tendência de alta ou baixa. Entrar no mercado de lado, é um convite pra se perder dinheiro, pois o mercado pode tomar uma direção oposta ao que você entrou.

    O dólar hoje, teve um início andando de lado até iniciar um raly de queda. No gráfico podemos ver a linha de tendência de baixa que traçei. Entrei vendido a 3873, logo abaixo da linha pontilhada vermelha que é uma linha de resistência em 3878. Coloquei um stop em 3879. E saí a 3822.

    A vantagem de se colocar stop acima da resistência em operação de venda é a “proteção” que ela oferece, pois como o próprio nome diz, há uma resistência que “segura” os preços durante um determinado tempo, impedindo-os de subir. Mas a resistência não é 100% garantida, pois ela tende a ser rompida em algum momento. Por isso, o Stop é sempre obrigatório.

    Quais os critérios que utilizei para a entrada e saída da operação?
    Além da estratégia comentada anteriormente, me baseei também nos indicadores. Comparando com os candles acima, podemos ver que o MACD passou a maior parte do movimento em vermelho virado pra baixo, o OBV que mostra o saldo de volume, está claramente direcionado pra baixo e o Aroon Oscilador esteve a maior parte do tempo abaixo da linha vermelha, indicando também a baixa do movimento. Essas indicações correspondem ao momento de entrada e saída da operação.

    Uma dica que pode ajudar bastante nas operações é ficar atento às notícias políticas e econômicas do nosso país e do exterior que podem afetar diretamente o desempenho do nosso mercado financeiro. Hoje, por exemplo, os acontecimentos políticos do nosso país contribuíram para a alta da Bovespa e consequentemente a queda do dólar.

    Abraços a todos e bons investimentos.

    Curtir

  2. Fabi, beleza amigo?
    Sobre IBOV e Dow Jones, a relaçao entre os dois realmente voltou a acontecer no inicio de 2016, creio eu muito em função do temor de desaceleração da economia mundial(episódio recente China) e seus reflexos nas comodities, e em especial no setor de energia(risco de crédito).

    Se analisarmos o grafico do Brent, a correlaçao de longo prazo com ibov é evidente, porém em 2016 devido a queda forte do petroleo essa correlaçao oil x mercado tbem atingiu o Dow Jones, influenciando o mundo todo, inclusive nosso ibov.

    Veja grafico do Dow em 2016 a queda rapida que acabou refletindo nos demais mercados.

    Grande abraço amigo!

    Curtido por 1 pessoa

  3. DOW JONES MENSAL

    Ainda temos todo mês de janeiro para definir, mas a figura gráfica chama a atenção pela formação em andamento.
    Um fechamento no mês abaixo de 16250 pts faz uma nova minima de fechamento de preços abaixo de suas médias móveis, indicando assim a continuação do movimento de baixa.

    Curtido por 1 pessoa

  4. BBAS MENSAL DOLARIZADO

    Podemos dizer graficamente que voltamos 10 anos no tempo.
    Desde de 2008 que bbas nunca teve um fechamento abaixo de +- 14,30 regiao que estamos testando agora.
    Na minima de 2008/2009 batemos em preços de hoje +- 11,00 reais.

    Curtido por 2 pessoas

  5. DOLG16 (dólar futuro)

    Diario

    Esta resistência vem atuando desde out de 2015 e ja sobreviveu a varios eventos entre eles o aumento dos juros nos EUA!

    Gráfico Intraday

    No intraday abaixo em termos graficos um fechamento acima de 4070 indicaria a retomada da tendência de alta, mas qual será o driver para o mercado romper essa barreira/resistência e acabar com essa dinâmica do câmbio após a alta de mais de 45% acumulada em 2015 e com a selic nas nuvens?

    Curtido por 2 pessoas

    • APOSTAS DE ALTA DE JUROS NOS EUA SE ENFRAQUECEM APÓS DIVULGAÇÃO DE ATA DO FED, MOSTRA CME GROUP

      São Paulo, 06/01/2016 – As apostas de aumento de juros nos Estados Unidos nos próximos meses recuaram ligeiramente após a divulgação da ata da última reunião política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano).

      As chances de juros mais altos em março, que ontem eram estimadas em 55%, baixaram para 51%, enquanto a probabilidade de elevação em janeiro passou de 10% para 8%, de acordo com levantamento do CME Group feito com base nos contratos futuros dos fed funds, considerados um termômetro das expectativas dos investidores.

      As apostas de que os juros estarão em patamar acima do atual ao término da reunião de junho estão em 72%, de 76% ontem, e passaram de 79% para 76% no encontro de julho.

      Curtir

  6. ESTC3

    Segue abaixo da LTB (linha de tendencia de baixa).
    Um fechamento abaixo do suporte em +- 12,40 indica a retomada da tendencia principal.
    Suporte mais relevante somente no nível dos +- R$ 8,80, que representa a região do ultimo topo rompido!

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s