AUTM – AUTOMETAL S.A.

AUTM3

BMFBovespa: AUTM3

A CIE Automotive é um Grupo Industrial fornecedor de componentes e subconjuntos para o mercado global de automação em tecnologias complementares (ALUMÍNIO, FERRO, METAL, PLÁSTICO E AÇO) com diversos processos associados: mecanização, soldagem e montagem.

Sua missão é crescer de forma sustentável e rentável, posicionando-se como fornecedor de referência, contribuindo a seus clientes soluções integrais, inovadoras e competitivas de alto valor agregado.

O principal objetivo da CIE Automotive é a integração de soluções inovadoras às necessidades dos clientes, aplicando alta tecnologia para o desenvolvimento de produtos e da optimização de processos.

Os 3 Centros tecnológicos da CIE Automotive, localizados em São Paulo, Bérriz (Espanha) e Figueira da Foz (Portugal), colaboram estritamente com as engenharias de processos de cada uma das tecnologias e com a administração dos produtos que lideram os projetos de desenvolvimento.

A CIE Engenharia intervêm nos projetos do início ao final, apresentando soluções nos campos de Desenho, Cálculo, Simulação, Fabricação de Ferramentas, Protótipos e Testes.

RI: ri@autometal.com.br

Site: http://autometal.infoinvest.com.br

AUTM3_organograma AUTM3_DRE AUTM3_Rec_Liq_Ebitda AUTM3_EBITDA AUTM3_divida AUTM3_Balanco

Anúncios

8 comentários sobre “AUTM – AUTOMETAL S.A.

  1. Resultados do 1º Trimestre de 2014
    LL 50,325 M +2,32% x 1T13*
    (*LL considerando os efeitos da aquisição Mahindra CIE)

    PRINCIPAIS DESTAQUES 1T14

    *Receita líquida consolidada atinge R$989,0 milhões.
    * Margem EBITDA de 13,3%.
    * Margem EBIT de 9,1%.
    * Lucro líquido de R$ 40,5 milhões.
    * Dívida líquida de R$ 708,5 milhões ao final do 1T14, o que representa 1,7x o EBITDA dos últimos 12 meses.
    * Distribuição de dividendos adicionais de R$ 28,9 milhões (R$ 0,2292 por ação)

    EVENTOS SUBSEQUENTES:

    7 de abril de 2014 –> Comunicado do Controlador em adquirir as ações dos acionistas não controladores da Companhia, por meio de oferta pública unificada – OPA.

    28 de abril de 2014 –> Em AGE foi eleito o Banco Santander S.A. para realização do laudo de avaliação da Companhia para fins da OPA

    29 de abril de 2014 –> OPA – Registrada na CVM oferta pública unificada para aquisição.

    http://autometal.infoinvest.com.br/services/siteri-1/redirect.asp?database=autometal_RI_V1&grupo=886&idioma=ptb&arquivo=ER%20Autometal%201T14%20FN-na.pdf&tipo=ipe&protocolo_atual=422272

    Resultado Regular. Se por um lado cresceu a receita e o lucro bruto, por outro lado, as despesas operacionais e financeiras também cresceram, consumindo a maior parte do lucro obtido, levando a esse crescimento baixo no LL.

    Curtir

  2. Resultados do 4T13:
    LL R$ 17,2M -6,4%x4T12 // LL R$136,9M -10,8%x2012

    Destaques:
     Receita líquida consolidada atinge R$
    2.553,1 milhões em 2013 e R$ 932,5
    milhões no 4T13.
     Margem EBITDA de 13,9% em 2013 e
    de 10,5% no 4T13.
     Margem EBIT de 10,3% em 2013 e
    6,6% no 4T13.
     Lucro líquido de R$ 136,9 milhões em
    2013 e R$ 17,2 milhões no 4T13.
     Dívida líquida de R$ 672,9 milhões ao
    final de 2013, o que representa 1,9x o
    EBITDA dos últimos 12 meses.

    Curtir

    • Pontos Relevantes do relatório:
      – Diversificação geográfica, onde para 2014 temos cerca de 65% de nossa receita oriunda de mercados com moeda forte (Euro e US$).
      – No ano de 2013, o Ebitda foi de R$ 355,0 milhões, em comparação a R$ 271,4 milhões em 2012, um aumento de 30,8%, com uma margem Ebitda de 13,9% em 2013 e 16,8% em 2012.
      – Nas operações NAFTA o grande destaque em 2013 foi o aumento de aproximadamente 60% no faturamento da Century Plastics (localizada nos Estados Unidos).
      – As plantas de México tiveram um crescimento moderado devido a plena capacidade produtiva, que melhora significativamente a partir de 2014, reflexo das expansões realizadas nas plantas em 2013 e também as paradas realizadas pelas montadoras no mês de dezembro.
      – Excluídos os efeitos da aquisição Mahindra Systech, o custo do produto vendido no 4T13 foi de R$ 409,1 milhões, em comparação a R$ 350,5 milhões no mesmo período de 2012, um aumento de 16,7%.
      – Excluídos os efeitos da aquisição Mahindra Systech, as despesas gerais, administrativas e comerciais somaram R$ 88,5 milhões no 4T13, em comparação a R$ 40,1 milhões no mesmo período de 2012, um aumento de 120,8%.
      – As despesas gerais, administrativas e comerciais representaram 15,6% da nossa receita líquida de vendas do 4T13, em comparação a 8,9% no mesmo período de 2012. No ano de 2013, nossas despesas representaram 9,7% da receita líquida, em comparação a 7,6% em 2012.
      – Excluídos os efeitos da aquisição Mahindra Systech, em 2013 as receitas financeiras somaram R$ 41,2 milhões e as despesas somaram R$ 106,9 milhões.
      – A redução de 54,0% é justificada basicamente pela redução dos volumes aplicados, que em 2012 eram de R$ 755,2 milhões, passando em 2013 para R$ 507,7 milhões.
      – Em 31 de dezembro de 2013 o endividamento bruto consolidado era de R$ 1.438,9 milhões, o aumento é justificado basicamente pelo pagamento da aquisição (US$ 146 milhões em outubro de 2013) e pela consolidação da dívidas da Mahindra CIE Automotive.

      Curtir

      • Comentarios:
        – 65% da receita vem de outros mercados, então não é tão penalizada por ser brasileira;
        – Ebitda continua subindo forte, então operacionalmente continua boa, vamos ver se depois dessa fase de expansão volta as margens anteriores.
        – Os efeitos da aquisição Mahindra Systech impactaram bem nesse ano, mas foi importante para chegada no mercado que mais cresce. Com Know-how da Autometal vamos ver se melhora os dados dessas plantas da Mahindra.
        – Ficar de olho nessas despesas ADM que subiram MUITO, impactado bastante pela expansão.

        Curtir

  3. Resultados 4T12

    A empresa anunciou lucro líquido de R$ 23,8 M no 4T12, uma variação de -46,1% em relação ao terceiro trimestre de 2012 e redução de 33,9% em relação ao 4° trimestre de 2011. A receita líquida somou R$ 91,1 M no 4° trimestre de 2012, 12,9% menor que o 3° trimestre de 2012, que foi de R$ 104,6 M. No mesmo período do ano anterior, a receita líquida havia atingido o valor de R$ 91,6 M.

    O resultado corresponde a uma margem bruta de 19,7% contra 21,6% no trimestre anterior e 19,6% no quarto trimestre de 2011. Já a margem líquida ficou em 26,1% no quarto trimestre de 2012 contra 42,2% no 3° trimestre de 2012.

    Os ativos totais atingiram o saldo de R$ 1,9 B, decréscimo de 2,1% em relação ao saldo no mesmo trimestre do ano anterior. O patrimônio líquido alcançou a soma de R$ 1,1 B no quarto trimestre de 2012, valor 1,0% superior ao saldo no mesmo período do ano anterior.

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s