TERI – TEREOS INTERNACIONAL S.A.

TERI3

RI: ri@tereosinternacional.com.br

Site:  http://ri.tereosinternacional.com.br/Default.aspx

A Tereos Internacional é uma empresa global que transforma cana-de-açúcar, cereais e tubérculos em açúcar, amido, etanol e álcool. A empresa produz também energia e outros coprodutos que são derivados do processamento da cana-de-açúcar, cereais e tubérculos.

O grupo possui unidades de processamento de cana-de-açúcar no Brasil, Ilha da Reunião e Moçambique e unidades de processamento de cereais e tubérculos na França, Bélgica, Itália, Espanha, Reino Unido, Brasil e China.

Tereos Internacional é a 2ª maior produtora de amido de trigo na Europa e a 3ª maior produtora de açúcar no Brasil.

A empresa está sediada em São Paulo, Brasil. Em 31 de março de 2013, a receita líquida consolidada da Tereos Internacional foi de R$ 7,6 bilhões e EBITDA ajustado de R$ 869 milhões.

A Tereos Internacional representa os ativos relacionadas ao processamento de cana-de-açúcar, cereais e tubérculos da Tereos. A Tereos é um grupo cooperativo açucareiro especializado na transformação de beterraba, cana-de-açúcar, cereais e tubérculos em açúcar, etanol, álcool e amido. O grupo Tereos reúne 12 000 associados-cooperados, produtores de beterraba, conta com 26 000 colaboradores e possui 41 unidades industriais na Europa, América do Sul, Oceano Indico e China.

Anúncios

14 comentários sobre “TERI – TEREOS INTERNACIONAL S.A.

  1. Tereos (TERI3): A cia publicou o edital da oferta pública unificada de aquisição de ações (OPA) para cancelamento de registro e saída do Novo Mercado. O preço por ação ficou definido em R$ 65,00, um valor acima do laudo de avaliação realizado pelo Bradesco BBI, que ficava entre R4 56,01 e R$ 61,60. Para cancelar o registro, dois terços dos acionistas devem concordar com a OPA. Segundo o edital publicado pela empresa em jornal, 67,03% dos acionistas apresentaram compromisso para se habilitar para a OPA. A validade da operação é de 30 dias, a partir de hoje até 25 de agosto. A Tereos controla a Guarani, grupo sucroalcooleiro com sete usinas no noroeste paulista e capacidade para processar até 23 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por temporada.

    Curtir

  2. TEREOS/JACYR: GUARANI DEVE PROCESSAR 20 MILHÕES A 20,5 MILHÕES DE T DE CANA EM 15/16

    São Paulo, 23/04/2015 – O diretor da divisão de cana-de-açúcar da Tereos Internacional, Jacyr Costa Filho, disse que a moagem de cana-de-açúcar pelas unidades da Guarani na safra 2015/16 deverá variar de 20 milhões a 20,5 milhões de toneladas. O volume fica em linha com o de 2014/15 (20,2 milhões de toneladas) e bem próximo da capacidade total, de 22 milhões de toneladas. O executivo afirmou que ainda é cedo para fazer qualquer projeção sobre o mix ou a produção de açúcar e etanol, mas destacou que o ciclo tende a ser mesmo mais alcooleiro por conta das recentes medidas de apoio ao biocombustível. “Será uma safra longa, em torno de 220 dias. Vamos avaliar conforme o andamento do mercado”, disse, acrescentando que a companhia deve encerrar o ciclo vigente no final de novembro.

    Ainda de acordo com Costa Filho, as usinas da Guarani começaram a atual temporada com atraso de 15 dias ante o observado no ano passado em virtude das chuvas em fevereiro e março, que impactaram no rendimento dos canaviais. Há atraso também no plantio, mas “nada que preocupe”. De acordo com o diretor da Tereos, nesses primeiros dias da safra 2015/16 o teor de sacarose da cana colhida está em torno de 115 kg por tonelada, com picos de 120 kg/t.

    No momento, são quatro as unidades da Guarani em operação, mas a expectativa é de que todas as sete indústrias da companhia, localizadas no noroeste paulista, estejam processando a safra até 1º de maio. “Vamos focar em ganhos de produtividade, tanto agrícola quanto industrial, nesta safra. Estamos reestruturando a dívida também”, comentou ele.

    Pelo balanço mais recente da companhia, referente ao quarto trimestre de 2014, a Tereos Internacional informou lucro líquido atribuível aos acionistas da controladora de R$ 600 mil, montante 97% menor na comparação com o de R$ 18,7 milhões registrado em igual intervalo do ciclo anterior. A receita líquida, por sua vez, aumentou 6,4%, para R$ 2,14 bilhões, enquanto o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado ficou em R$ 289,5 milhões (+3,7%).

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s