FLRY – FLEURY S.A.

FLRY3.bmp

BMFBovespa: FLRY3

O Grupo Fleury (Fleury S.A.), por meio da marca Fleury Medicina e Saúde, é considerado o melhor e mais confiável prestador de serviços de medicina diagnóstica, de acordo com pesquisa realizada pelo IBOPE em agosto de 2008 com 500 médicos da Cidade de São Paulo, o maior pólo econômico e o mais importante centro médico da América Latina. Este resultado vem se repetindo a cada ano, consistentemente. Na pesquisa realizada em 2008, o Fleury foi escolhido por 70% dos médicos, enquanto o segundo colocado atingiu apenas 8% das preferências.

Uma das empresas líderes do setor de saúde do Brasil, o Grupo Fleury oferece serviços e soluções integradas em medicina diagnóstica, preventiva e terapêutica com o objetivo de contribuir para a gestão da saúde e o bem-estar das pessoas.

Com uma trajetória de 83 anos, a marca “Fleury” é uma das mais respeitadas e reconhecidas no setor de saúde, com amplo reconhecimento nacional e internacional e extremamente respeitada pelos seus clientes, operadoras de planos de saúde, hospitais, empresas, comunidade médica e opinião pública.

A excelência dos serviços prestados pela empresa pode ser comprovada pelo reconhecimento obtido como centro de referência para realização de exames de alta complexidade (também denominados “exames esotéricos”) por aproximadamente 3.000 laboratórios de análises clínicas e hospitais do Brasil.

Em seu setor de atuação, ao contrário do que ocorre nos principais mercados internacionais, a escolha do prestador de serviços de saúde é preponderantemente do indivíduo (cliente), ainda que médicos e operadoras de planos de saúde possam influenciar sua decisão. A oferta diferenciada de serviços do Grupo Fleury, o relacionamento próximo que a empresa mantém com seus clientes e a excelência em seu atendimento contribuem fortemente para manter a preferência dos clientes. Em 2008, os índices de satisfação dos seus clientes foram superiores a 85% nos estados em que atua, superando 95% na marca Fleury, de acordo com pesquisas realizadas pelo IBOPE.

O Grupo Fleury acredita que um dos seus diferenciais competitivos está em sua tradição de constantemente desenvolver e introduzir no setor de serviços de saúde metodologias e modelos de negócio inovadores, que somente são possíveis em virtude de sua constante busca, geração e aplicação de conhecimento em medicina e saúde.

O grupo tem ampliado sua participação no setor de serviços de medicina diagnóstica, preventiva e terapêutica por meio de crescimento orgânico e aquisições estratégicas, tanto em mercados nos quais já está presente quanto em novas praças, atuando com a marca “Fleury” e com marcas regionais. Em 2009, o Grupo Fleury já havia realizado 23 aquisições nos principais centros econômicos do Brasil.

RI: ri@grupofleury.com.br

Site:  http://ri.fleury.com.br

Anúncios

16 comentários sobre “FLRY – FLEURY S.A.

  1. Resultado 1T17

    Destaques
     Receita bruta atingiu R$ 642,1 milhões com crescimento de 15,0%.
     Same Store Sales (SSS) das UA’s1 expandiu 15,1%.
     Deduções e abatimentos (Glosas) totalizaram 2,3% da receita bruta com redução de 63 bps.
     Receita líquida de R$ 587,8 milhões com aumento de 15,7%.
     Margem EBITDA cresceu 551 bps e atingiu 29,5%.
     Lucro Líquido expandiu 82,6% para R$ 81,6 milhões.
     Retorno sobre o Capital Investido (ROIC2) sem o ágio alcançou 36,0% (+1.220 bps).
     Inauguração de 5 novas unidades, sendo 2 da marca Fleury e 3 da marca a+ Paraná.
     NPS3 atingiu 72,7%, melhora de 657 bps

    Curtir

  2. Resultado 2016 e 4T16

    Destaques 2016:
     Receita Bruta atinge R$ 2,3 bilhões, crescimento de 10,7%1
    .
     Receita Líquida cresce 11,7%¹.
     Margem EBITDA cresce 289 bps e atinge 23,0%.
     Lucro Líquido cresce 82,0% e alcança 228,7 milhões.
     Geração de Caixa Operacional de R$ 513,9 milhões com incremento de 39,4%.
    Destaques 4T16
     Receita bruta cresce 10,1%¹ e Same Store Sales (SSS) das UA’s2 expande 11,0%.
     Melhora de 73 bps nas Glosas.
     Margem EBITDA cresce 127 bps e atinge 19,3%.
     Lucro Líquido expande 189,6% para R$ 74,9 milhões.
     Retorno sobre o Capital Investido (ROIC3) sem o ágio alcança 32,9% (+1.209 bps).
     Prazo médio de recebimento reduz seis dias (65 dias no 4T16).
     NPS4 atinge 72,3%, melhora de 768 bps.

    Curtir

  3. Resultado 3T16

    Destaques:
     Unidades de Atendimento crescem +10.1% no conceito Same Store Sales.
     Receita Bruta por m² e por UA¹ crescem 14,8% e 17,7% respectivamente.
     Melhora de 51 bps nas Glosas.
     Margem EBITDA cresce 512 bps e atinge 25,7%.
     Lucro Líquido expande 79,4% para R$ 63,1 milhões.
     Retorno sobre o Capital Investido (ROIC2) sem o ágio alcança 31,9%.
     Geração de Caixa Operacional de R$ 152,6 milhões, impactada pela redução no Prazo médio de
    recebimento de sete dias (66 dias no 3T16).
     NPS3 atinge 73,0% com destaque para o desempenho das marcas do RJ, Bahia e Pernambuco.
     Em Setembro inauguração da Central de Laudos do Rio de Janeiro.
     Parceria inédita com a IBM Watson Health na América Latina

    Curtir

    • Comentários da Administração:
      O Grupo Fleury apresentou uma consistente evolução dos seus resultados, pautado em projetos focados em
      impulsionar a captura da demanda existente por serviços de qualidade, otimizar a rentabilidade de seus
      negócios e melhorar a experiência do cliente no uso dos nossos serviços. Dentro deste contexto, obtivemos
      em mais um trimestre o recorde histórico nas linhas de receita bruta e líquida, EBITDA e lucro líquido.
      No trimestre, adicionamos ao nosso portfólio de B2B o Hospital Santa Helena, pertencente à Rede D’Or em
      Brasília, e encerramos a prestação de serviço no hospital Copa D’Or no Rio de Janeiro. Continuamos
      expandindo para mais unidades de atendimento o projeto Lean, cujo foco está no redesenho de processos
      e melhoria na experiência do cliente, e evoluímos na renegociação de contratos com fornecedores tanto por
      meio de iniciativas internas e quanto pelo projeto Procurement, incorporando mais ganhos de eficiência nas
      linhas de custos e despesas. Paralelamente, a Companhia segue investindo no seu projeto de expansão, de
      forma a capturar oportunidades nos mercados em que atua.
      Ao mesmo tempo em que aprimoramos a oferta dos serviços já existentes, também seguimos investindo
      em projetos de longo prazo que fortalecerão nossa posição de vanguarda em medicina diagnóstica. Um
      exemplo é a parceria inédita com a IBM para testar e validar o Watson Genomics no Brasil como potencial
      ferramenta que nos permitirá avançar nos estudos personalizados de cuidados com a saúde. Essa parceria
      une o conhecimento médico do Fleury à mais avançada tecnologia de inteligência artificial com o objetivo de
      nos colocar como pioneiros na execução da medicina de precisão, oferecendo a melhor solução diagnóstica
      para nossos clientes e parceiros.

      Curtir

  4. 3T14

    Depois de vários trimestres com resultados negativos, o Fleury registrou no terceiro trimestre lucro líquido de R$ 31 milhões, 69,6% superior ao apurado no 3T13. A receita líquida totalizou R$ 452,4 milhões, crescimento de 2,8% em relação ao 3T13 e em linha com a projetada pela Consultoria, de R$ 457 milhões.

    As principais as Unidades de Negócios, a Unidade de Atendimento e as Operações em Hospitais, que juntas representaram 97% da receita total no trimestre, registraram incremento na receita.

    O Fleury seguiu expandindo as operações em hospitais, decorrentes do aumento da demanda nas instituições médicas onde já é responsável por operações diagnósticas.

    Em Relatório, a Companhia informou que características intrínsecas ao ambiente hospitalar, como estreita relação com a comunidade médica, recursos de pesquisa, portfólio único e avançado de exames, entrega precisa e rápida de diagnósticos integrados são importantes fatores de diferenciação.

    A geração de caixa medida pelo EBITDA foi 29% maior que à apurada no 3T13, atingindo R$ 97,5 milhões, refletindo controle de custos e despesas, além da seleção de portfólio de serviços e de planos de saúde. Além disso, o resultado refletiu a reestruturação que começou no 2S13, com fechamento de unidades e descredenciamento de fontes pagadoras não rentáveis.

    No 3T14, o Grupo Fleury registrou despesa financeira líquida 17,9% maior que à registrada no 3T13. Por outro lado, no acumulado dos primeiros nove meses de 2014 o resultado financeiro foi significativamente menor do que nos 9M13.

    Vale lembrar que a Companhia emitiu três séries de debêntures nos últimos três anos, somando R$ 950 milhões, que serão amortizadas até fevereiro de 2020.

    Os investimentos no 3T14 totalizaram R$ 24,6 milhões, concentrados na expansão das unidades de atendimento, incluindo novos serviços existentes da marca Fleury, além das inversões em plataforma tecnológica.

    Em teleconferência, a Companhia informou que uma das estratégias é reposicionar a marca a+, que foi lançada como um bandeira intermediária.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Resultados 4T13 e 2013
    LL -0,8MM -105% x 4T12 // LL2013 61MM -43% x 2012

    Unidades de Atendimento: Receita Bruta atinge R$ 365 MM no trimestre, crescimento orgânico de 6,5% (10,6% em 2013).
    Receita Bruta por m2 aumenta 6,9% (9,6% em 2013) e Receita Buta por unidade cresce 24,6% (20,2% 2013). Marcas Regionais (ex-
    RJ) crescem 14,1% em 4T13 (22,5% no ano).
    Operações Diagnósticas em Hospitais: A Receita Bruta cresce 5,5% para R$ 63 MM (11,1% em 2013).
    Laboratório de Referência: R$ 6,5 MM de Receita Bruta, 9,1% inferior a 4T12 (redução de 11,1% em 2013).
    Medicina Preventiva: Check-up cresce 12,6% no 4T13 e 7,4% em 2013.
    Lucro Bruto de R$ 67 MM no 4T13, 17,1% da Receita Líquida (22,5% em 2013).
    EBITDA de R$ 45 MM em 4T13, 11,6% sobre a Receita Líquida (16,8% em 2013). EBIT (Lucro Operacional) de R$ 19 MM,
    margem de 4,8% (10,2% em 2013).
    Lucro Líquido atingiu R$ 61 MM em 2013 (R$ 0,39 EPS), 3,7% sobre Receita Líquida. “Lucro Líquido Caixa”1 atingiu R$ 111 MM
    (R$ 0,71 EPS), com margem de 6,7%.

    Curtir

  6. O Grupo Fleury comunica que o Conselho de Administração aprovou o pagamento de dividendos intermediários aos acionistas, à conta de reserva de lucros, no valor total de R$ 20 milhões, correspondente a R$ 0,13 por ação.

    Os dividendos serão pagos com base na composição acionária da Companhia do dia 9 de dezembro de 2013 e estarão disponíveis aos acionistas em 20 de dezembro de 2013.

    Curtir

  7. Por causa de plano de ação, Fleury vê seu lucro cair 30% em um ano

    Companhia encerrou o terceiro trimestre com lucro de R$ 18,3 milhões, enquanto sua receita líquida avançou 10% e fechou o período em R$ 439,9 milhões

    Destaques Financeiros
    Planos de Ação, para acelerar retorno dos próximos anos, tem afetado os resultados do 2S13. A demanda por serviços de alta qualidade permanece robusta, enquanto a seleção de portfolio desacelera o ritmo de crescimento.
     Unidades de Atendimento: A Receita Bruta atinge R$ 412 MM, com crescimento orgânico de 10,4%. Receita por m2 aumenta 7,8%, com adição líquida de 1,4 mil m2. A marca Fleury cresce 12,3%; Marcas Regionais (ex-RJ) expande 21,8%.
     Operações Diagnósticas em Hospitais: A Receita Bruta cresce 8,4% para R$ 64 MM.
     Laboratório de Referência: R$ 7,1 MM de Receita Bruta, 8,9% inferior a 3T12 (aumento de 3,7% sobre 2T13).
     Medicina Preventiva: Check-up cresce 17,7%. Operações descontinuadas decrescem 45% para R$ 1,6 MM.
    Lucro Bruto atinge R$ 100 MM, 22,6% da Receita Líquida (736bps inferior a 3T12).
    EBITDA alcança R$ 76 MM (R$ 306 MM LTM), 17,2% sobre a Receita Líquida (20,5% em 3T12, redução de 331 bps). EBIT (Lucro Operacional) de R$ 49 MM, margem de 11,1%.
    Lucro Líquido atinge R$ 18 MM no trimestre (R$ 0,12 EPS), 4,2% sobre Receita Líquida. “Lucro Líquido Caixa”1 atinge R$ 35 MM (R$ 0,22 EPS), com margem de 8,0%.
    Alavancagem (Dívida Financeira Líquida / EBITDA LTM) de 1,4. Endividamento Líquido de R$ 433 MM.

    Por Rodrigo Tolotti Umpieres (Infomoney)
    |19h11 | 31-10-2013

    SÃO PAULO – A Fleury (FLRY3) divulgou seus resultados referentes ao terceiro trimestre deste ano reportando um lucro líquido de R$ 18,3 milhões, o que representa uma queda de 30,1% em relação ao mesmo período do ano passado, quando ficou em R$ 26,1 milhões. Enquanto isso, a receita líquida da companhia ficou em R$ 439,9 milhões, uma alta de 10% ante o terceiro trimestre de 2012.

    Já o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), encerrou o período em R$ 75,5 milhões, uma queda de 7,8% em relação ao terceiro trimestre do ano passado, quando o resultado ficou em R$ 81,9 milhões. O endividamento líquido da Fleury ficou em R$ 433 milhões.

    De acordo com o relatório da empresa, os planos de ação, para acelerar retorno dos próximos anos, tem afetado os resultados do segundo semestre. Para a companhia, a demanda por serviços de alta qualidade permanece robusta, enquanto a seleção de portfólio desacelera o ritmo de crescimento dela.

    Curtir

    • Resultado Ruim, apesar do aumento na Receita, lucro caiu e levou as margens junto. Os custos consomem 77,4% de toda a receita, ao que parece tem muita lição de casa administrativa por fazer…

      As principais linhas de custo são:
       Pessoal e Serviços Médicos compõem o principal custo do Grupo e representa 37,8% da receita líquida trimestral (37,4% em 9M13 e 35,5% em 3T12), reflexo da alta qualificação de nossos profissionais, incluindo 1.749 médicos (1.592 em 3T12) e 9.506 colaboradores (9.557 em 3T12).
      Acordos coletivos de salários com sindicatos estão totalmente refletidos no custo: +5,0% no Rio de Janeiro desde Maio/2013; +7,2% em São Paulo, dividido em 2 parcelas (50% em Maio e 50% em Agosto).
      Custos adicionais, incluindo demissões não recorrentes, somam R$ 4,6 milhões.
       Materiais e terceirizações representam 10,9% da Receita Líquida – 34 bps referentes a itens não recorrentes – comparado a 10,6% em 3T12.
       Serviços Gerais, Aluguéis e Serviços Públicos representam 15,7% da Receita Líquida. Custos pré-operacionais e não recorrentes no trimestre somam 189 bps.
       Gastos gerais, que incluem, principalmente, sistemas de TI para atendimentos e despesas com infraestrutura de Call Center, representam 8,3% da Receita Líquida no trimestre (7,0% em 3T12 e 8,0% em 2T13). Qualificação de Call Center e integração de TI geraram o aumento no custo.
       Depreciação e Amortização representam 4,7% da Receita Líquida (4,4% em 3T12 e 4,8% em 2T13).

      Curtir

  8. RESULTADOS DO 2º TRIMESTRE DE 2013:

    RECEITA BRUTA CRESCE 14.0% E ATINGE R$ 485 MILHÕES, 12º TRIMESTRE CONSECUTIVO DE CRESCIMENTO ORGÂNICO DE 2 DÍGITOS. RECEITA LÍQUIDA AVANÇA 15,9% COM MELHORA NO NÍVEL DE CANCELAMENTOS.

    EBITDA AUMENTA 2,7% E ATINGE R$ 84 MILHÕES (R$ 313 MILHÕES LTM), MAIOR VALOR HISTÓRICO DA COMPANHIA. 19,4% DE MARGEM SOBRE A RECEITA LÍQUIDA.

    GERAÇÃO DE CAIXA OPERACIONAL DE R$ 52 MM, REDUZINDO DÍVIDA LÍQUIDA PARA R$ 395 MM.

    A MARCA FLEURY LANÇA UMA NOVA CAMPANHA DE MARKETING, ENFATIZANDO SEU FOCO DIFERENCIADO NA HUMANIZAÇÃO DE DIAGNÓSTICOS.

    São Paulo, 01 de Agosto de 2013– Grupo Fleury (BOVESPA: FLRY3) anuncia hoje o resultado do segundo trimestre de 2013 (2T13). As informações Financeiras deste relatório foram preparadas com base no resultado consolidado, em conformidade com IFRS e princípios contábeis adotados no Brasil.

    Todos os números são comparados ao 2T12, exceto quando especificado.

    Destaques Financeiros:

    Crescimento da receita se mantém robusto, com melhoria sequencial da margem trimestral.

    Unidades de Atendimento: A Receita Bruta atinge R$ 402 milhões, com crescimento orgânico de 14,1% e variação de 13,2% em receita/m2

    . Receita Líquida aumenta 15,5%.

    Operações Diagnósticas em Hospitais: A Receita Bruta cresce 19,7% para R$ 69 milhões, resultado de aumento no volume e melhoria no mix de exames (Same-Hospitals-Sales).

    Laboratório de Referência: R$ 7 MM de Receita Bruta, 19,8% inferior a 2T12, com ganhos representativos em margem.

    Medicina Preventiva: Receita Bruta de R$ 6,7 MM, +1,8%.

    Lucro Bruto atinge R$ 113 MM, crescimento de 11,5%, representando 26% da Receita Líquida (27,1% em 2T12).

    EBITDA alcança R$ 84 milhões, 19,4% sobre a Receita Líquida, gradativa melhora em relação a 18,6% em 1T13 (21,9% em 2T12).

    EBIT (Lucro Operacional) de R$ 57 milhões, margem de 13,0% sobre a Receita Líquida.

    O Lucro Líquido atinge R$ 22 milhões no trimestre (R$ 0,14 EPS), 5,1% sobre Receita Líquida. “Lucro Líquido Caixa” atinge R$ 43 milhões (R$ 0,28 EPS), com margem de 9,9%.

    Alavancagem (Dívida Financeira Líquida / EBITDA LTM) melhora de 1,5 para 1,3 vezes.

    Conselho aprova a distribuição de dividendos no montante de R$ 43,6 milhões (100% do lucro líquido em 6M13).

    Curtir

  9. Resultados 1T13

    São Paulo, 02 de Maio de 2013 – O Grupo Fleury (Fleury S.A. | BM&FBovespa: FLRY3, Bloomberg: FLRY3 BZ; Thomson: FLRY3-BR), comunica que os resultados do 1T13 estão disponíveis no website de Relações com Investidores.

    Destaques:

    Crescimento Orgânico de 2 dígitos pelo 11º trimestre consecutivo (10,5%). Receita Bruta atinge R$ 440 milhões. Receita Líquida avança 11,9% com melhora no nível de cancelamentos.
    EBITDA de R$ 73 milhões (R$ 311 milhões LTM), 18,6% de margem sobre a Receita Líquida
    Geração de Caixa Operacional de R$ 39 milhões (+192% sobre 1T12), suficiente para fazer frente ao CAPEX Orgânico do trimestre.
    Pelo quarto ano consecutivo, a Companhia foi reconhecida pela hospitalidade com os clientes.

    Curtir

  10. Resultados 4T12

    Destaques:

    Receita Bruta aumenta 14,4% para R$ 417 milhões.
    Crescimento Orgânico em dois dígitos pelo décimo trimestre consecutivo (12,0%).
    Margem EBITDA consistente em 19,6% da Receita Líquida (aumento de 439bps em relação a 4T11).
    Geração de Caixa Operacional de R$ 167 milhões em 2012.
    Mais uma vez, a Companhia foi reconhecida pelo relacionamento com seus clientes, hospitalidade, iniciativas de inovação e sustentabilidade.

    Curtir

  11. Resultados 3T12

    São Paulo, 31 de outubro de 2012 – O Grupo Fleury (Fleury S.A.| BM&FBovespa: FLRY3, Bloomberg: FLRY3 BZ; Thomson: FLRY3-BR), comunica que os resultados do 3T12 estão disponíveis no website de Relação com Investidores.

    DESTAQUES

    Receita Bruta aumenta 28,5% para R$ 447 milhões.
    Crescimento Orgânico em dois dígitos pelo nono trimestre consecutivo (Unidades de Atendimento 12,2%, Grupo 10,4%).
    Lucro Bruto e EBITDA apresentam os maiores resultados trimestrais da história da Companhia: R$ 120 milhões e 82 milhões, respectivamente.
    Margem EBITDA estável em relação ao 3T11, 20,5% da Receita Líquida – considerando alto investimento em Marketing em ambos períodos.
    Geração de Caixa Operacional de 62 milhões no 3T12, totalizando R$ 149 milhões em 2012.
    Anúncio da Aquisição do Grupo Papaiz marca a entrada do Grupo no Mercado de Diagnóstico Dental.
    Linhas de Negócio

    Unidades de Atendimento – A Receita cresce 25,0% no 3T12 para R$ 373 milhões. O crescimento orgânico alcança 12,2%.
    Operações Diagnósticas em Hospitais – A Receita cresce 71,8% no trimestre, alcançando R$ 60 milhões.
    Medicina Preventiva – O crescimento da Receita é de 12,8% no trimestre, com forte performance em Gestão de Doenças Crônicas e Programas de Promoção de Saúde.

    Curtir

  12. Resultados 2T12

    EBITDA atinge R$ 81,7 milhões, 58,5% de crescimento, com margem de 21,9% sobre a Receita Líquida (21,1% em 2T11).

    EBIT (Lucro Operacional) cresce 31,1% e alcança R$ 56.1 milhões, com margem de 15% sobre a Receita Líquida.

    O Lucro Líquido atinge R$ 32,2 milhões, 8,6% de margem sobre a Receita Líquida.

    RECEITA BRUTA (INCLUINDO AQUISIÇÕES) AUMENTA 59,4% PARA R$ 426 MILHÕES.

    CRESCIMENTO ORGÂNICO1 ATINGE 13.3% NO 2T12 (12,6% EM 2T11). EM UNIDADES DE ATENDIMENTO, CRESCIMENTO ORGÂNICO DE 15,3% (11,2% EM 2T11);

    OPERAÇÕES DE “LABS D’OR” 100% CONSOLIDADAS. EBITDA CRESCE 58,5% E A MARGEM EBITDA ATINGE 21,9% (21,1% EM 2T11).

    EBIT (LUCRO OPERACIONAL) CRESCE 31,1% E A MARGEM EBIT ATINGE 15,0%.

    GERAÇÃO DE CAIXA OPERACIONAL DE R$ 74 MILHÕES NO TRIMESTRE.

    RECEBÍVEIS VENCIDOS HÁ MAIS DE 120 DIAS SÃO REDUZIDOS E AGORA REPRESENTAM 16% DO SALDO TOTAL DE RECEBÍVEIS.

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s