EZTC – EZTEC S.A.

EZTC3.bmp

A EZTEC S.A. (Bovespa: EZTC3; Bloomberg EZTC3:BZ)

A EZ TEC Empreendimentos e Participações S.A. (“EZTEC” ou “Companhia”) se destaca como uma das empresas com maior lucratividade do setor de construção e incorporação no Brasil, com uma margem líquida1 de 39% em 2004, 40% em 2005, 45% em 2006, 41% em 2007, 37% em 2008, 32% em 2009 e 38% em 2010 e 44% em 2011. A Companhia é também uma das maiores incorporadoras e construtoras de edifícios residenciais de São Paulo, com base no VGV, de acordo com a EMBRAESP.

A Companhia atua há 33 anos com sucesso no mercado de incorporação de edifícios residenciais e comerciais na Região Metropolitana de São Paulo, região com uma das maiores rendas per capita do Brasil e com a maior participação no PIB brasileiro, de acordo com o IBGE.

A EZTEC é uma das empresas com maior lucratividade entre as empresas de capital aberto do setor de incorporação e construção no Brasil. Com seu modelo de negócio totalmente integrado, a Companhia já lançou 94 empreendimentos, totalizando mais de 2,6 milhões de metros quadrados de área construída e em construção e 18.854 unidades.

A EZTEC é dividida em 3 unidades de negócios: Incorporação, que prospecta e desenvolve empreendimentos que antecipam as tendências do mercado; Engenharia e Construção, que garante a qualidade dos empreendimentos e a entrega no prazo e Imobiliária, responsável pela manutenção das fortes velocidades de venda de seus empreendimentos. A EZTEC também concede financiamento próprio aos seus clientes, além do gerenciamento da sua carteira de recebíveis com enfoque comercial e estratégico.

RI: ri@eztec.com.br

Site: http://www.eztec.com.br/ri

Anúncios

213 comentários sobre “EZTC – EZTEC S.A.

  1. Eztec divulga resultados do 3T16

    Foi mais um trimestre de baixo lucro, desta vez de R$ 48,8 milhões, queda de 53% frente o lucro de R$ 104,7 milhões no terceiro trimestre de 2015. A grave crise econômica brasileira impôs nova queda da receita líquida consolidada, que caiu 37,5% comparada a o 3T15.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Volume de Distratos estabilizam no 3T16
    Estoque concluído apresentou incremento na Venda Líquida

    São Paulo, 24 de outubro de 2016 – A EZTEC S.A. (BOVESPA: EZTC3; Bloomberg: EZTC3:BZ), anuncia a prévia dos resultados operacionais do terceiro trimestre de 2016 (3T16). Os resultados aqui apresentados são gerenciais e estão sujeitos à revisão da auditoria externa. Os resultados do 3T16 têm divulgação programada para 09 de novembro de 2016 após o fechamento do mercado.

    Vendas e Distratos

    A Companhia teve um trimestre em que os distratos superaram as vendas. Quando analisamos o resultado líquido de -R$17,7 milhões no 3T16, com acúmulo positivo de R$35,2 milhões nos 9M16, é importante colocar alguns pontos: [i] apesar das vendas brutas terem sido reduzidas entre os meses de julho e agosto, em comparação ao segundo trimestre deste ano, 74% foram provenientes de unidades concluídas; [ii] diferentemente dos últimos trimestres, o 3T16 não apresentou incremento no volume de distratos; [iii] com o período menos intenso de entregas, houve redução nos cancelamentos dos projetos performados, sendo que estes apresentaram venda líquida no trimestre, em R$20,0 milhões. No 2T16, a venda líquida de performados foi de R$9,2 milhões.

    Ainda sobre a situação de vendas atual, sob o ponto de vista de geração de caixa para a Companhia, os distratos representam desembolso de apenas parte do valor pago pelos clientes, valor este que representa no máximo 15 a 20% do valor total da unidade. No entanto, quando observamos as vendas brutas, que nos 9M16 foram 60% provenientes de unidades concluídas até setembro de 2016, ocorre não somente o reconhecimento integral da receita, como também a entrada em caixa do valor total da unidade, ou o financiamento direto junto à EZTEC com alienação fiduciária. Desta forma, pudemos observar no 1S16 a geração de caixa de mais de R$160 milhões e, para o 3T16, números gerenciais ainda não auditados indicam nova geração, de aproximadamente R$45 milhões.

    Curtir

  3. EZTEC conquista Prêmio Master Imobiliário 2016

    São Paulo, 2 de setembro de 2016 – A EZTEC EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES S.A. (Bovespa: EZTC3; Bloomberg EZTC3:BZ) conquistou o Prêmio Master Imobiliário 2016, na categoria “Empreendimento Comercial”, com o case do projeto corporativo EZ Towers.

    Com o objetivo de reconhecer e estimular a excelência profissional no setor da construção civil, o Master Imobiliário, promovido desde 1994 pela Federação Internacional das Profissões Imobiliárias (Fiabci-Brasil) e pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP) contempla e divulga anualmente o desempenho das empresas e dos profissionais que mais se diferenciam, seguindo avaliações de uma comissão julgadora composta por especialistas em real state.

    Com autoria do projeto pelo arquiteto Silvio Iamamura, CAU n° 38056-3, e localizado na região da Avenida Chucri Zaidan, na zona sul da capital paulista, o projeto EZ Towers teve suas obras iniciadas em 2012 e contempla duas torres corporativas com 47.000 m² de área BOMA cada, sendo a Torre A entregue em 2014 e a Torre B programada para 2016.

    “Entregar o EZ Towers para a cidade de São Paulo foi a realização de um sonho. Este empreendimento não é apenas a maior obra da história da EZTEC. Para mim, representa um legado que deixo para nossa cidade”, ressalta Ernesto Zarzur, Fundador e Presidente do Conselho de Administração da EZTEC.

    Curtir

  4. Divulgação de Resultados 2T16

    EZTEC gera mais de R$160 milhões de Caixa no 1S16

    Com Margem Bruta de 45% e Locações de EZ Towers e EZ Mark, solidez financeira valoriza ativos

    São Paulo, 11 de agosto de 2016 – A EZTEC S.A. (BM&FBOVESPA: EZTC3; Bloomberg EZTC3: BZ) anuncia hoje os resultados do segundo trimestre de 2016 (2T16):

    Principais Destaques do 1S16:

    A EZTEC encerrou o 2T16 com Caixa, Equivalentes de Caixa e Aplicações Financeiras de R$450,3 milhões. Descontadas as dívidas de R$279,4 milhões, provenientes de financiamento SFH, a Companhia encerrou o período com posição de Caixa Líquido, de R$170,9 milhões, para uma geração, ex-pagamento de dividendos, de R$91,7 milhões no período, além de R$337,3 milhões em Recebíveis de empreendimentos imobiliários Performados, passíveis de securitização e parte remunerados a IGP-M+10 a 12% a.a.;

    A Companhia assinou contratos para locação de 53% da área BOMA da Torre B do EZ Towers e para 21% (39% do estoque de junho de 2016) da área privativa do EZ Mark. Estes contratos, além de agregarem resultado à Companhia em exercícios futuros, valorizam ativos considerados importantes para a administração e permitem rentabilizá-los no momento certo e de forma adequada, gerando valor aos acionistas; (https://tetzner.wordpress.com/forum-vip/comment-page-15/#comment-204815)

    A Receita Líquida atingiu R$305,3 milhões no 1S16;
    O Lucro Bruto foi de R$137,9 milhões, para uma Margem Bruta de 45,2% no 1S16;
    O EBITDA atingiu R$80,3 milhões no 1S16, com Margem EBITDA de 26,3%;

    O Lucro Líquido atingiu R$112,4 milhões, com Margem Líquida de 36,8% no 1S16, para um ROE Anualizado, ajustado pelos Dividendos adicionais, de 8,7%;
    No 2T16, a EZTEC lançou o empreendimento de alto padrão Splendor Brooklin, na cidade de São Paulo. O projeto, com o VGV EZTEC de R$91,5 milhões, encontrava-se 26% comercializado no fechamento deste release. No acumulado do ano, R$143,3 milhões em VGV próprio lançado;

    As Vendas Contratadas, participação EZTEC, atingiram R$52,9 milhões no 1S16, valor líquido de distratos.
    Em 30 de junho de 2016, o Estoque de Terrenos totalizou R$5,7 bilhões em VGV próprio. O custo médio de aquisição dos terrenos, incluindo os custos com o aumento do potencial construtivo, está em 13,2% do VGV.

    Curtir

    • Eztec (EZTC3): O lucro líquido e o Ebitda da cia durante o 2T16 ficaram abaixo da estimativa dos analistas. A companhia apresentou lucro líquido de R$ 38,782 milhões entre abril e junho de 2016, resultado 47,4% inferior à média das projeções de quatro bancos consultados pela Agencia Estado (Itaú BBA, BTG, Votorantim e JPMorgan), que era de R$ 73,7 milhões. O Ebitda somou R$ 27,207 milhões entre abril e junho, contração de 48,57% inferior ao esperado pelos analistas, que era de R$ 52,9 milhões.

      Curtir

  5. EZTEC acumula R$143 milhões de VGV no 1S16
    Produtos encontram-se 33% comercializados

    São Paulo, 26 de julho de 2016 – A EZTEC S.A. (BOVESPA: EZTC3; Bloomberg: EZTC3:BZ)), anuncia a prévia dos resultados operacionais do segundo trimestre de 2016 (2T16). Os resultados aqui apresentados são gerenciais e estão sujeitos à revisão da auditoria externa. Os resultados do 2T16 têm divulgação programada para 11 de agosto de 2016 após o fechamento do mercado.

    Lançamentos
    Seguindo uma política de lançamentos mais conservadora, focando em produtos cujo perfil e localização permitem obter liquidez sem prejudicar os critérios mínimos de rentabilidade, a EZTEC lançou mais um projeto neste ano de 2016. Com 42 unidades de alto padrão e localizado em bairro nobre da zona sul da cidade de São Paulo, o projeto Splendor Brooklin totaliza um VGV EZTEC de R$91,4 milhões. Dados gerenciais apontam que, até o fechamento deste comunicado, 26% das unidades deste projeto estavam comercializadas.

    Considerando que a Companhia possui VGV de aproximadamente R$5,7 bilhões em seu landbank, com diferentes perfis de projetos, distribuídos por diversas áreas da Região Metropolitana, a política atual de lançamentos é sustentável a médio prazo e mostra-se adequada para remunerar parte do capital empregado em terrenos, sem colocar em risco a operação.

    Vendas e Distratos
    Observando as vendas líquidas de R$28,6 milhões no 2T16, com acúmulo de R$52,9 milhões no 1S16, é importante compreender melhor o perfil do que está sendo comercializado efetivamente, diante do perfil dos distratos.

    Considerando os números apresentados de venda líquida aquém do histórico da Companhia, cabe realizarmos uma análise para melhor compreensão do passado e, de certa forma, compreendermos as perspectivas para um futuro não muito distante.

    Há que se observar que 44% das vendas brutas em 2016 é de empreendimentos entregues e sem risco de novos distratos.

    No entanto, houve um ciclo intenso de entregas ao longo dos últimos trimestres, proveniente das maiores safras históricas de lançamentos entre 2011 e primeiro semestre de 2013. Considerando o cenário econômico atual e a deterioração da capacidade de crédito do usuário final, a quantidade de distratos cresceu para nível superior aos reportados historicamente pela Companhia.

    Curtir

    • Eztec (EZTC3): As vendas contratadas líquidas no 2T16 totalizaram R$ 28,6 milhões, de acordo com a prévia operacional divulgada pela companhia. O resultado representa uma queda de 78% ante os R$ 132 milhões registrados em igual período de 2015. No segundo trimestre, a Eztec lançou um projeto​ ​​que totaliza um VGV de R$ 91,4 milhões, o que representa um recuo de 27% na comparação com o mesmo trimestre de 2015. Até o fechamento do comunicado, 26% das unidades estavam comercializadas, diz a empresa, que ressaltou a manutenção de uma política de lançamentos mais conservadora, focando em produtos com perfil e localização que permitem liquidez, sem prejudicar os critérios mínimos de rentabilidade. Os distratos acumulados em 12 meses somaram R$ 517 milhões no ​2T16, mais que o dobro dos R$ 232 milhões observados em igual intervalo de 2015.

      Curtir

  6. Divulgação de Resultados 1T16

    EZTEC obtém R$74 milhões de Lucro Líquido no 1T16

    Margem Bruta de 47% no período e geração de caixa de R$69 milhões

    São Paulo, 12 de maio de 2016 – A EZTEC S.A. (BM&FBOVESPA: EZTC3; Bloomberg EZTC3: BZ) anuncia hoje os resultados do primeiro trimestre de 2016 (1T16):

    Principais Destaques do 1T16:

    Dividendos de R$155,5 milhões relativos ao exercício de 2015, já pagos em 10 de Maio de 2016, representando pay out de 35,01%;
    A Receita Líquida atingiu R$150,2 milhões no 1T16;
    O Lucro Bruto foi de R$70,6 milhões, para uma Margem Bruta de 47,0% no 1T16, 0,1 p.p. inferior a 4T15;
    O EBITDA atingiu R$53,1 milhões em 1T16, com Margem EBITDA de 35,3%, 5,5 p.p. inferior aos 4T15;
    O Lucro Líquido atingiu R$73,6 milhões, com Margem Líquida de 49,0% em 1T16, para um ROE Anualizado, ajustado pelos Dividendos adicionais, de 11,6%;
    A EZTEC encerrou o 1T16 com Caixa, Equivalentes de Caixa e Aplicações Financeiras de R$458,6 milhões. Descontadas as dívidas de R$224,0 milhões, provenientes de financiamento SFH, a Companhia encerrou o período com posição de Caixa Líquido, de R$234,6 milhões, para uma geração de R$69,0 milhões no período, além de R$503,3 milhões em Recebíveis de empreendimentos imobiliários Performados, passíveis de securitização e parte remunerados a IGP-M+10 a 12% a.a.;
    No 1T16, a EZTEC lançou o empreendimento de alto padrão Le Premier Moema, na cidade de São Paulo. O projeto, com o VGV EZTEC de R$51,8 milhões, encontrava-se 34% comercializado no fechamento deste release;
    As Vendas Contratadas, participação EZTEC, atingiram R$24,4 milhões no 1T16, valor líquido de distratos;
    Em 31 de março de 2016, o Estoque de Terrenos totalizou R$5,8 bilhões em VGV próprio. O custo médio de aquisição dos terrenos, incluindo os custos com o aumento do potencial construtivo, está em 13,2% do VGV.

    Curtir

    • Eztec (EZTC3): O lucro líquido e o faturamento da cia no 1T16 ficaram aquém das expectativas de analistas. A companhia explicou no informe de resultados que a baixa observada na receita do primeiro trimestre é justificada pelo fato de a companhia não só ter reduzido lançamentos e obras em construção, mas também por ter optado por não aplicar descontos de forma indiscriminada para forçar redução do estoque. A companhia ressaltou ainda que, no momento, nota-se uma dificuldade para redução de despesas operacionais, sobretudo comerciais, seja pela necessidade de realização de campanhas de vendas, seja pelas próprias despesas com manutenção de unidades em estoque. O lucro líquido da EZTEC, de R$ 73,635 milhões, ficou 17,5% menor do que os R$ 89,3 milhões da média das projeções de cinco instituições ouvidas pel​a Agencia Estado​ (Bradesco BBI, BTG Pactual, Citi, Itaú BBA e JPMorgan). A receita da empresa, de R$ 150,193 milhões, teve uma diferença negativa de 15,2% frente aos R$ 177,2 milhões da média das projeções.

      Curtir

  7. Fato Relevante – Bonificação

    São Paulo, 29 de abril de 2016 – EZTEC S.A. (BOVESPA: EZTC3; Bloomberg: EZTC3:BZ), em atendimento ao disposto no artigo 157, §4°, da Lei n° 6.404, de 15 de dezembro de 1976 e na Instrução da Comissão de Valores Mobiliários n° 358, de 3 de janeiro de 2002, informa aos seus investidores e ao mercado em geral que foi aprovado pelos acionistas, em Assembleia Geral Extraordinária realizada na presente data, o aumento de capital social da Companhia no valor de R$ 136.704.485,57 (cento e trinta e seis milhões, setecentos e quatro mil, quatrocentos e oitenta e cinco reais e cinquenta e sete centavos), mediante a capitalização de parte da Reserva de Lucros da Companhia no referido valor, com a emissão de 7.943.317 (sete milhões, novecentos e quarenta e três mil, trezentos e dezessete) novas ações ordinárias, escriturais e sem valor nominal, a serem bonificadas aos acionistas na proporção de 5,0575541722 novas ações para cada 100 (cem) ações existentes, nos termos do artigo 169 da Lei no 6.404/76, conforme detalhado abaixo:

    a) Data-base: terão direito à bonificação os acionistas titulares de ações na posição acionária final do dia 29 de abril de 2016;

    b) Negociação: as atuais ações continuarão a ser negociadas com direito à bonificação até 29 de abril de 2016; a partir de 02 de maio de 2016, as ações passarão a ser negociadas “ex” direito à bonificação;

    c) Direito das Ações Bonificadas: as ações recebidas em bonificação terão as mesmas características e direitos das ações atualmente existentes e farão jus a dividendos integrais que vierem a ser declarados a partir de 02 de maio de 2016, sendo certo que as novas ações serão incluídas na posição dos acionistas em 05 de maio de 2016;

    d) Frações de Ações: a bonificação será efetuada sempre em números inteiros; para os acionistas que desejarem transferir frações de ações oriundas da bonificação é estabelecido o período de 09 de maio de 2016 a 09 de junho de 2016, em conformidade com o disposto no §3º do artigo 169 da Lei nº 6.404/76; transcorrido esse período, eventuais sobras decorrentes dessas frações serão separadas, agrupadas em números inteiros e vendidas na BM&FBOVESPA S.A. – Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros, sendo o produto da venda disponibilizado aos acionistas titulares dessas frações, em data a ser informada oportunamente; e

    e) Custo das Ações Bonificadas: o custo atribuído às ações bonificadas é de R$ 17,21 (dezessete reais e vinte e um centavos) por ação, para os fins do disposto no §1º do artigo 47 da Instrução Normativa RFB nº 1022/10.

    Curtir

    • Eztec (EZTC3): Os acionistas da cia aprovaram, em Assembleia Geral Extraordinária (AGE) realizada, um aumento de capital da companhia por meio de bonificação de ações. Os acionistas receberão 5,0575 novos papéis para cada 100 já existentes. Serão emitidos 7.943.317 de ações, o que vai resultar em um aumento do capital social de R$ 136,704 milhões. Terão direito à bonificação os titulares de ações até o final do pregão d​a ultima sexta feira. A partir d​e hoje (02), os papéis passam a ser negociados ex-direito. O custo atribuído a cada ação bonificada é de R$ 17,21.

      Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s